Luís Alves vence e convence na Marinha Grande

No passado dia 18 de Março decorreu o segundo e último torneio da época regular da LASE na zona A – O Torneio de Inverno.

“London Star”, o novo nome do renovado e bonito espaço onde joga o clube Trickshots, acolheu o evento.

Luís Alves da Academia Freeball do Porto venceu o torneio frente a João Paulo Ferreira, por esclarecedores 3-0 (68-33, 67-8 e 74-32), com breaks de 55 e 49 pontos no primeiro e segundo frame, respetivamente.

Finalista vencido no Torneio de Outono frente a Tiago Teixeira, Luís não cedeu nenhum frame dos nove que disputou no torneio da Marinha Grande.

Sete breaks acima dos 20 pontos (35 pontos de média de breaks máximos) e 66,8 pontos por frame (mais 6,8 pontos que a sua média esta época) foram os números que marcaram a diferença para a restante concorrência de dezasseis jogadores.

Com esta vitória, Luís Alves chega pela primeira vez esta época ao topo da classificação na Zona A com 103 pontos, relegando Tiago Teixeira para o segundo lugar com 101 pontos.

Destaque para Ricardo Santos (139º classificado do ranking) que esteve prestes a chegar à sua primeira final de um torneio, tendo perdido por 2-1 frente a João Paulo Ferreira na meia-final, depois de ter deixado pelo caminho, entre outros, Tiago Teixeira, o primeiro classificado do ranking global da LASE até à semana passada.

Também neste torneio se definiram quase todos os lugares de apuramento para os playoffs.
Rui Oliveira subiu ao Top 16 na zona A, deixando Pedro Paiva de fora da corrida à fase final.
Restam efetuar os jogos da sétima e última ronda na Marinha Grande, para alinhar a classificação final nesta zona, havendo apenas uma vaga por decidir. Uma vitória de Augusto Santos sobre Alexandre Neto na última ronda coloca-o nos playoffs, deixando de fora Juan José Padilla do clube de snooker de Mojacar. Caso contrário, Padilla será o 16º e último jogador apurado para a próxima fase da competição.


Resultados do Torneio de Inverno, Zona A, Marinha Grande

(Entre parêntesis os pontos de ranking atribuídos a cada jogador neste torneio)

Final, Luís Alves (25) 3-0 (20) João Paulo Ferreira

Meia-Final, João Paulo Ferreira 2-1 (15) Ricardo Santos

Meia-Final, Luís Alves 2-0 (15) Silvério Azenha

Quartos de Final, Ricardo Santos 2-1 (10) Rui Oliveira

Quartos de Final, João Paulo Ferreira 2-0 (10) Alexandre Neto

Quartos de Final, Luís Alves 2-0 (10) Pedro Rocha

Quartos de Final, Silvério Azenha 2-0 (10) Rui Reis

Oitavos de Final, Ricardo Santos 2-0 (6) Tiago Teixeira

Oitavos de Final, Rui Oliveira 2-0 (6) Augusto Santos

Oitavos de Final, João Paulo Ferreira 2-0 (6) Ricardo Domingos

Oitavos de Final, Alexandre Neto 2-0 (6) Emanuel Pereira

Oitavos de  Final, Luís Alves 2-0 (6) Rui Saldanha

Oitavos de Final, Pedro Rocha 2-0 (6) Luís Coutinho

Oitavos de Final, Silvério Azenha 2-0 (6) Pedro Paiva

Oitavos de Final, Rui Reis 2-1 (6) Samuel Pereira

1ª Ronda, Ricardo Santos 2-0 (3) Hugo Almeida


Estatísticas

Melhor break: Luís Alves, 55

Breaks (20+):

Luís Alves: 55, 49, 34, 30, 29, 24, 23

Média de pontos por frame:

1º Luís Alves – 66,8

2º Ricardo Santos – 44,8

3º Samuel Pereira – 43,3

4º Silvério Azenha – 42,5

5º Rui Oliveira – 40,6

6º Rui Reis – 34,8

7º Pedro Rocha – 34,3

8º João Paulo Ferreira – 33,7

9º Luís Coutinho - 33

10º Hugo Almeida – 25,5

11º Tiago Teixeira – 23,5

12º Augusto Santos – 17

13º Rui Saldanha - 5

14º Emanuel Pereira – ND

14º Ricardo Domingos – ND

14º Alexandre Neto – ND, FC

14º Pedro Paiva – FC

(ND – Resultados dos frames não disponíveis, FC – Falta de Comparência)


Sigam todas as emoções do snooker e da LASE na página da Liga no facebook ou em lasesnooker.com